Como identificar o teu Cliente Ideal

Se há um erro que os novos empreendedores -e por vezes os já estabelecidos – cometem é este: não desenvolver uma visão clara do seu cliente ideal.

Demasiadas vezes pensamos que nosso serviço ou produto é “para todos” (acredita que já pensei assim também). E, embora possa ser verdade que todos podem usar a tua ajuda, simplesmente não é possível que tu e a tua marca atraiam todos. Os teus preços podem não estar alinhados com o que alguns podem pagar. A tua marca pode não ressoar com os outros. A tua história pode não tocar todos com a mesma sensação de urgência.

Quando tentas alcançar todos, em vez de restringir o teu foco no teu verdadeiro cliente ideal, vais estar a diluir a tua mensagem, tornando ainda menos provável que esses clientes perfeitos te encontrem.

Se estás apenas a começar, pode parecer uma tarefa impossível saber quem é o teu cliente ideal. Começa com estes três pontos.

1 – Género

O teu público é masculino ou feminino? Homens e mulheres podem ler e apreciar o teu conteúdo – e até comprar os teus produtos, mas provavelmente vais perceber que o teu mercado está mais direcionado para uns ou outros. Homens e mulheres são diferentes e são afetados por histórias e promoções de maneiras muito diferentes, pelo que o que atrai um homem nem sempre atrai uma mulher – e vice-versa. Observa algumas das marcas que compras, e verás rapidamente como elas criam as suas mensagens para atrair homens ou mulheres, mas muito raramente ambas.

2 – Objetivos

O que o teu cliente espera alcançar e como os teus produtos e serviços ajudam a atingir esses objetivos? O teu cliente ideal pode estar a tentar ter melhores relacionamentos, ou a tentar ultrapassar uma fase difícil no seu emprego e de desvalorização pessoal, a ganhar mais autoestima ou a melhorar a sua saúde ou ainda a tentar superar uma fase desafiante do seu negócio. Porém, se não souberes onde querem ir, não os podes ajudar a chegar lá.

3 – Onde está na sua viagem

O teu cliente ideal é iniciante ou já percorreu um bom caminho? Como falas, como escreves, que métodos de marketing usas e até mesmo quais os preços que cobras serão determinados pelo nível de sofisticação do teu cliente ideal. Por exemplo, alguém que nunca passou por um processo de coaching podes comprometer-se menos do que alguém que já o experimentou e que sabe que o coaching pode rapidamente trazer excelentes resultados. Não poderás alcançar o teu mercado efetivamente se não souberes exatamente onde está o teu cliente ideal o que precisa neste momento.

 

Se estás a começar agora, é provável que ainda não saibas quem é o teu cliente ideal. Isso também está bem. Mas presta atenção, porque ele vai dizer-te. Ele vai dizer-te através dos produtos e serviços que compram. Vai dizer-te seguindo-te (ou não) nas redes sociais. Vai dizer-te comentando no teu blog e a fazer perguntas que são relevantes para ele.

Observa as tuas interações, estuda o perfil daqueles que te contactam para obter ajuda e vê o que a tua “concorrência” está a fazer e, em breve, terás uma compreensão clara de quem é o teu cliente ideal.

 

[Definir e comunicar com o teu Cliente Ideal é um dos temas abordados no Grupo de Coaching Online Ser Terapeuta]

 

Mantém-te ligada!

Would you like to…?

Use the Divi Builder…

to design your pop-up!

Donec rutrum congue leo eget malesuada. Curabitur non nulla sit amet nisl tempus convallis quis ac lectus. Cras ultricies ligula sed magna dictum porta. Curabitur aliquet quam id dui posuere blandit. Proin eget tortor risus.